Como obter seu VISA

Não! Esse post não traz uma simpatia ou receita mágica para que você consiga aquele lindo carimbo colorido no seu passaporte, sem o qual não se pode viajar.

Classes: Estude em Stanford University On line

O que acha de estudar nas melhores universidades do EUA, on line e de graca? Princeton, Stanford University e outras mais.

Underage Places in NYC

Se voce eh menor de idade (under 21) e esta vindo para o EUA, voce com certeza ja deve saber que vai ter muitas restricoes aqui. Como por ex: Clubes, bebidas, barsinhos, baladas...

Tutorial: Preenchendo DS160 APIA

Depois de agendar , sua entrevista, é necessário preencher o DS-160. Você vai precisar de todos os dados da sua Host Family, que se encontram no seu Application On line.

Send Money to Brazil

Como funciona?Simples, voce precisar fazer um cadastro no site. Nada complicado. Dados basicos, endereco no EUA, e-mail e senha. Depois do cadastro voce automaticamente ja esta habilitado para fazer transacoes.

Malas e viagens internacionais

Quando compramos uma passagem aérea, em regra, temos direito a uma franquia de bagagem. O mais comum é podermos levar duas bagagens despachadas, uma mala pequena de mão e um item de uso pessoal (pode ser uma bolsa feminina ou um notebook, por exemplo). O peso e as medidas para cada volume...

Brazil for gringos

Here is the top 3 questions that I have been asked, or friends of mine have."Does it have power in Brazil?" ANSWER: "Nope, we just send smoke signals to each other, shower in the beach and cook in bonfires just like in the old times."

1.31.2011

E o inverno, morde?







Hi there, guys! How are you doing?

Eu sou a Bruna e sou au pair em Long Island, no estado de NY. Estou aqui há quase cinco meses e hoje vim responder a temida perguntinha aí do título no meu primeiro post para o SOS Au pair.

Há alguns posts atrás a Maíra escreveu sobre dressing layers - vestir-se em camadas - e eu vim estender um pouco esse assunto.
Com certeza o que mais assusta a nós brasileiras é trocar o calor do nosso país pelas temperaturas negativas americanas e também pela neve. Todas (os?) se perguntam se vão sobreviver. E eu respondo: vão sim, apesar das piadas das suas host families. Piadas? Sim! O primeiro vento que bater, a brasileira já está de casaquinho e os americanos continuam de bermuda e camiseta. Quando a temperatura chega a zero pela primeira vez, a au pair brasileira já está desesperada andando feito um boneco (toda grande e dura por conta da quantidade de roupas) e os americanos olham , riem e dizem que você ainda não viu nada. E não viu mesmo, mas o fato é que, se preparando (leia-se vestindo-se adequadamente) logo o corpo acostuma e aquele frio intenso passa a fazer parte do seu cotidiano. Vá perguntando para a host family que tipo de roupas e tecidos são bons para o inverno da região em que você vai morar e observe como as pessoas se vestem (as loucas de minissaia, você ignora).

Eu cheguei no finalzinho do verão e peguei todo o outono, isso foi bom pra ir me acostumando com a queda de temperatura e tive tempo de procurar roupas adequadas, mas quem chegar no meio do inverno não se desespere. Aí vai o que eu aprendi nesses meses.

Tem roupa de frio no Brasil? Tipo blusa de malha (top), de fio, de lã, cacharrel (turtleneck), moleton (sweatshirt) justinho, jaqueta (jacket, coat) também justinha, meia calça de fio, legging, meia calça de lã (wool stockings)? Põe na mala!!! Funciona muito bem pra colocar por baixo de casaco grande e da calça e economiza $, porque o que você já tem não vai precisar comprar aqui, porque tudo bem que as coisas aqui são baratas, mas pra que pagar duas vezes pelas mesmas coisas?

Três tecidos muito interessantes são o fleece (é uma lãzinha, me lembra do soft - alguém aí teve casaco de soft além de mim?), a cashmere e a seda. O fleece é ideal para ser usado por baixo do casaco grande, como um primeiro casaco. Também como material para toca, luva e cachecol. Eu tenho duas jaquetas da Oakley, que comprei no outlet e também dois cachecóis comprados na Old Navy também do outlet.

Já o cashmere é um material para mantas e cachecóis e ele mantém a temperatura do corpo. Vale para cachecol, luva e meia calça, isso mesmo. Quando comprarem luva e meia calça, verifiquem se o material é cashmere, pode sair um pouquinho mais caro, mas esquenta mais. Luva de couro forrado com cashmere é ótima, eu tenho um par; luva de lã funciona? Pra mim não.
E a seda, ela não é gelada? Não! Assim como o cashmere, a seda mantém a temperatura do corpo, o que é saudável e agradável nesse frio.

Um bom exemplo no esquema do dressing layers então é: vestir uma blusinha de seda, justinha para a parte de cima. Na parte de baixo, vestir uma meia calça de cashmere e na cintura colocá-la por cima da blusinha de seda. Depois é só vestir a roupa que tiver em mente, eu ainda coloco mais a blusa que quero usar, geralmente de algodão, um moleton ou uma jaqueta de fleece, um cachecol e um casaco pesado. Para a parte de baixo, a calça e o sapato são de livre escolha, lembrando que qualquer material é mais quente que calça jeans. Pra cabeça , há várias opções de chapéus (hats) e faixas (bands). Outro acessório interessante é o earmuff, o protetor de ouvido. E pode comprar em lojinha de rua por três dólares, que funciona igual ao de 30 dólares da Macy’s.
Rapidinho você percebe que sua host mom não usa váááárias peças de roupa, pelo contrário, mas as peças que ela usa são adequadas para o inverno americano.

Mais dica: ao comprar um casaco pesado, prove-o com algum moleton ou jaqueta que pode ser usado por baixo. Assim você verifica o tamanho ideal para poder colocar mais peças por baixo.

Pra encontrar roupas de frio com o salário de au pair, lojas grandes são recomendadas porque sempre têm uma sessão de roupas com bons preços. Porém, tem que garimpar. Opções de lojas fáceis de se encontrar, são: TJMaxx, Kohl’s, Burlington Coat Factory e JcPenney.
E claro, os outlets. Se tiver algum perto de você, se joga!!!
E a minha dica quente é: primeiro vá à Kohl’s ou a Macy’s e dê uma olhada nos casacos e nos acessórios, como luvas e chapéus. Depois vá à Burlington e procure pelas marcas e modelos que gostou. E encontrando algo igual, leva, porque o preço vai ser bem mais baixo!
Pros moletons (sweatshirts e sweatpants) da vida, dá-le Aeropostale, American Eagle, Old Navy e dependendo das promoções até Abercrombie e Hollister. Tem a GAP também, mas roupas de moleton você encontra o ano todo nos oulets, nas lojas “normais”, depende da época do ano - isso foi uma vendedora da loja da GAP perto da 34 em NYC que me explicou.

Ah!!! Nada de moleton grandão, pelo menos não todos no seu closet. Tenha moletons e jaquetas justinhas pra vestir por baixo do casaco pesado. E um ou dois casacos de inverno é mais que suficiente porque 1) em primeiro lugar eles não vão ter muita utilidade no Brasil e são caros e 2) chegando em qualquer ambiente fechado você vai tirá-lo, portanto pode montar A produção por baixo que o casaco vai servir só pra entrar e sair dos lugares.

E sapato? Botas no famigerado modelo UGG são esquisitas e na opinião da maioria das brasileiras feias, mas são quentes por serem forradas. Eu comprei e não me arrependo. Entretanto, uma UGG é muito cara, quase uma semana de trabalho, então se você não ligar tanto assim pra marca, pode comprar uma outra pela metade do preço, ex. Bearpaw, Emu. E elas funcionam na neve? Neve é chuva congelada, portanto, é água. Pra se ficar na neve o calçado tem de ser impermeável e ter um solado bacana para evitar escorregar (porque escorrega mesmo). Mesmo assim, uma dessas botas ou um par de tênis bem fechado, dá pra sob reviver, e depois é só colocar próximo a um dos aquecedores da casa que seca rapidinho.
Como opção de bota pra andar por aí com neve, as ao estilo Timberland são ótimas. Não são sofisticadas (alguns modelos o são mais) nem caem bem com qualquer produção, mas funcionam muito bem.
Eu comprei uma bota como a UGG da marca Bearpaw na Macy’s e uma bota Timberland na loja deles do outlet na Black Friday. Com o que paguei nas duas, comprava apenas uma UGG, então vale a pena pesquisar e pensar no seu conforto.

Essas coisas a gente não aprende sozinha, não. As dicas são da minha host e da minha tia que mora na Itália e de observar as pessoas por aí. Portanto, de novo: pergunte e observe!!!

Agora, minha filha, se você é friorenta pra caramba, acha que vai reclamar o inverno inteiro, que quer só um pouquinho de neve só pra tirar foto e contar pra todo mundo que viu, foca em host families que moram em estados como Flórida, Califórnia, Carolinas do Sul e do Norte, em que a temperatura é mais amena. O google está aí pra ajudar, acredite quando uma au pair que já está aqui, não importa o tempo, diz que pesquisar sobre a região em que vai morar é importante, além de ter aquela lista de coisas do tipo “o que eu quero para o meu ano” para o tal do match perfeito (localização, número de crinças, etc.)
No mais, lembrem-se sempre das dicas “de mãe”: não tome banho e/ou lave o cabelo perto da hora de sair; se se molhar na neve, troca de roupa em seguida e mais tantas que nossas mães nos apresentam durante a vida. Também ao entrar em ambientes fechados, que têm aquecimento como casa, restaurante, shopping e carro, espere uns minutinhos e tire as peças mais pesadas, como casaco, luvas e chapéus. Quando tiver para sair, coloque tudo de novo também uns minutinhos antes, isso ajudará o seu corpo a se adequar à temperatura e evitar o choque térmico.


Have a great week que janeiro já tá ficando pra trás!
See ya (-:

1.26.2011

Vídeo para o APP


Olá meninas!
Minha primeira postagem aqui no blog.

Me apresentando:
Sou Stéphani, tenho 24 anos e advinhem? Isso mesmo, serei Au Pair! rs. Pretendo embarcar em Julho e estou preenchendo o "monstrinho" (vulgo APP), mais detalhes about me: ste-aupair.blogspot.com

Mas então, como todas sabem, é preciso fazer um vídeo para ser enviado no APP para as host familys. Quanto mais criativo, bonito o vídeo, maiores são as chances na escolha da família.

Abaixo, indicarei uns programas gratuitos (ou gratuitos para testar) para edição de vídeos que irão ajudar a todas que estão nesta fase do processo. Qualquer dúvida no manuseio de cada programa, é só jogar a palavra 'tutorial' no google + "nome do programa". Aparecerá vários blogs, sites, que ensinam passo a passo de como mexer em cada um.

É só clicar e fazer o download do que preferir:

OBS: TODOS OS ARQUIVOS AQUI POSTADOS E SEUS LINKS NÃO SÃO DE RESPONSABILIDADE DO SOS AU PAIR E NEM DE SUAS COLABORADORAS. CONTEÚDO COPIADO DA INTERNET.


Windows Live Movie Maker 2011

Windows Movie Maker 2 é um pacote com diversos arquivos para dar um gás novo em seu Windows Movie Maker, deixando-o com mais opções de efeitos de som, imagens paralisadas, efeitos de vídeo e outras coisas mais.


VideoSpin 2.0

Com VideoSpin, você cria e edita vídeos em questão de minutos. Este diferenciado software de edição é uma raridade, por ser gratuito e ao mesmo tempo extremamente funcional, permitindo a inserção de efeitos de transição entre cenas, efeitos sonoros, trilhas sonoras e títulos.


VirtualDub 1.9.11

Este programa é um excelente pré-processador de vídeos em AVI e MPEG. Chama-se "pré-processador" porque ele não é exatamente um editor de vídeo como o Adobe Premiere, embora algumas tarefas sejam infinitamente mais simples de se fazer com ele do que com este último. Um detalhe importante é que, embora ele abra arquivos MPEG, ele só salva em formato AVI. Também permite salvar filmes em sequência de imagens


Adobe Premiere Pro CS5

O Adobe Premiere Pro já é um programa mais do que conceituado no meio de todos os outros aplicativos de edição de vídeo. Trazendo ferramentas extremamente profissionais, oferece possibilidades quase que infinitas para as suas edições.


Ulead VideoStudio

Ulead VideoStudio torna a tarefa de editar vídeos tão divertida como filmá-los.

Com os recursos de fácil uso do programa, usuários de primeira viagem podem criar vídeos com aparência profissional. Comece gravando um vídeo através de sua câmera ou TV. Depois remova partes que você não quer e adicione sua própria trilha sonora, narração, título e efeitos. Possui um tutorial em vídeo que o ajudará a aprender a usar o programa.Ótimo pra compartilhar seus trabalhos em fita VHS, DVD e VideoCD na Internet.


Pinnacle Studio Plus

Pinnacle Studio Plus é um dos programas mais completos para trabalhar com a edição e personalização de vídeos. Permitindo capturar seus vídeos diretamente da sua câmera, do seu aparelho de vídeo cassete ou de outras fontes, o programa facilita a vida do usuário de sobremaneira. Para editar os vídeos o programa traz vários modelos, pré-visualizações e configurações. Tudo isso está disponível no Pinnacle Studio Plus e ainda com uma tradução completa para o português.

Pensa que criar vídeos cheios de efeitos especiais, músicas e outros recursos é tarefa exclusiva para profissionais experientes? CyberLink PowerDirector permite que qualquer um se sente na cadeira do diretor e solte sua criatividade.

Vegas Pro 10.0

Voltado para o público que trabalha com edição profissional de vídeos, o Vegas Pro oferece ferramentas que prometem agradar até ao mais exigente dos usuários. Nele você encontra qualidade excelente de edição de áudio e vídeo, o mesmo vale para a criação de discos Blu-ray.


Bom meninas, por enquanto é isso.
Espero que ajudem todas vocês.
Grande beijo!

1.25.2011

É isso mesmo que eu quero?

Olá leitoras!

Sou a Ingridy (chamem de Dindy!) e hoje no meu primeiro post aqui no SOS Au Pair, vou falar sobre como saber se você está indo para o tipo certo de intercâmbio para o seu perfil.

e mais importante de tudo: Qual a sua intenção ao fazer intercâmbio? Sua prioridade é trabalhar, estudar, passear, comprar...?
Quanto tempo gostaria de passar fazendo intercâmbio?
Você aceitaria fazer coisas lá que não faz na sua casa aqui no Brasil?

Se na 1ª pergunta você respondeu para si mesma que a sua prioridade é estudar, passear, comprar ou qualquer outra coisa... errado! Não se iluda achando que quando você chegar nos Estados Unidos vai logo começar a estudar e cursar o que bem entender, ou que vai viver passeando e ter muito dinheiro para fazer compras e conhecer todos os lugares que quiser. Sonhar é bom, mas sonhar alto demais pode fazer você levar um tombo feio e se machucar muito!

O foco do intercâmbio de Au Pair é trabalho! Estudos?! Sim, você terá um tempo para dedicar à isso, mas lembre-se de que a bolsa que os seus host parents te darão é de apenas 500 dólares e se você optar por um curso mais caro, vai ter que tirar do seu poor bolsinho (primeiro tombo)! À não ser que seus hosts sejam legais demais, o que acontece sim, mas em raros casos.
Compras e viagens?! Olha, pra fazer compras você com certeza terá tempo e se acumular o salário, dinheiro também. Mas as viagens devem ser programadas e avisadas com antecedência, senão correrás o risco de ter o barato cortado se seus hosts parents pedirem pra você ficar com a(s) criança(s) justamente naquele final de semana, e aí "volta o cão arrependido com o rabinho entre as pernas" (segundo tombo).

E na 2ª pergunta... Essa eu podia passar, mas preciso dar um aviso: se alguém aqui pensou em MENOS de um ano, tá louca antes mesmo de exercer a profissão Au Pair! Pelamor gente, cai na real se você não consegue viver um mês de férias longe de casa sabendo que já vai voltar. O que você acha de um ano? Tá bom pra ti?! Eu sei que a saudade é INEVITÁVEL, mas pra fazer esse tipo de loucura (sim, loucura) você tem que ser no mínimo forte e ter muito foco e determinação para alcançar o seu objetivo, que é cumprir o intercâmbio até o fim.

E 3... Lá você querendo ou não, vai fazer coisas que jamais fez na sua casinha. Eu nunca: lavei roupa, limpei casa, fiz comida (tipo começando do zero: pegar um frango, tirar a pele, temperar...), cuidei de criança 24h durante 365 dias... falo mermo! :) Mas a questão nem é essa, sabe? O importante não é saber, mas estar disposta a enfrentar tudo isso. E o que é pior: sozinha, alone, sola, seul, da solo, allein.

Só digo uma coisa: No fim de tudo, o aprendizado será muito maior do que as dificuldades, a saudade que sentiu e as lágrimas que derramou.

Vamos lá mulheres guerreiras, ir em busca do que é nosso, porque ele tá guardado só esperando por nós!

Um beijão pra vocês!

@IngridyAndrade
www.ingridyandrade.blogspot.com

1.24.2011

Encontro Au Pair 09/01/2011

Olá Au Pairs!!

Estou escrevendo este POST para mostrar a importância dos encontros de Au Pair e bem como fazer contatos com a família Auperiana!


Muitas pessoas acham que as informações passadas pelas agências e a palestras informativas obrigatórias antes de ingressar no programa são ambas suficientes para a preparação de Au Pair, pois bem estão errados, o contato direto com quem está iniciando o processo, quem já tem match ou visto, quem já embarcou e está em treinamento ou já está casa da Host Family faz sim muita diferença. Essas pessoas possuem muitas informações e experiências que podem te ajudar. Ah, mas aí você vai me perguntar: “As pessoas vão passar informações assim tão fácil?”, acredite VÃO. O mundo au periano é muito unido as meninas se ajudam sem perguntar por que e acaba se tornando uma família.

Por isso no meu POST de hoje resolvi descrever um pouco da minha experiência no primeiro encontro que participei e também falar dos contatos que tenho através de grupos no facebook e blogs.

Nos encontramos no Starbucks da Alameda Santos, inicialmente ficamos um bom tempo em 5 pessoas e ao poucos outras meninas chegaram e aí a farra Au Pair se intensificou. Vou fazer uma relação dos tópicos conversados e as dicas que foram dadas:

1- Vídeo
Bom este é um assunto que assusta muitas meninas, pois ficam em dúvida com realação que roupa usar, ambiente, música e fotos. As dicas são:
  • Roupa: usar blusinha sem decote, com manga, cores neutras e acima de tudo bom senso! Ficou na dúvida na questão do “bom senso” se vista, fique de frente ao espelho e pergunte-se: “Estou indo para a praia?” se a resposta for sim mude!!!!!!!!!!
  • Ambiente: muitas meninas vão a parques para fazer o vídeo (mas se tiver muito barulho é pouco viável!), você pode também fazer do seu quarto onde tem uma parede bonita, no jardim sentada em um banco ou em pé, no sofá da sua casa e etc. O importante é você estar confortável para que assim a sua fala flua naturalmente.
  • Música: eu particularmente acho que música brasileiras não são legais, afinal se você quiser passar alguma mensagem as famílias não vão entender. Músicas infantis são legais, você pode escolher músicas em inglês ou então qualquer outra música que tenha significado e passe mensagem. Então nada de músicas de amor, rompimentos, beber, sair para badalar e essas coisas. Eu usei “This is Me” do Camp Rock, por que tinha tudo haver com o momento que estava vivendo de descobertas e seguir atrás de nossos sonhos.
  • Fotos: é você pode ter várias fotos, mas aquelas que tem caretas, línguas de fora, você usando roupas de banho, curtas, com decote e essas coisas ESTÃO VETADAS. As demais fotos fiquem tranqüilas em adicionar em seu vídeo.
  • Outra dica importante sempre durante a sua fala deixar a música super baixa, para que não atrapalhe no entendimento do que você está dizendo.
Quanto ao que dizer se sinta a vontade para se apresentar, mostrar os motivos que acha importante para ser uma au pair e deixe claro que você GOSTA de crianças!

2- Visto
Todas nós estávamos nervosas, pois nos últimos meses algumas meninas tiveram o Visto negado e a pergunta era o que acontece para ter esta negativa? A resposta é: Ninguém sabe. Mas você pode se empenhar para que as coisas dêem certo:
  • Ter um Sponsor.
  • Preencher com carinho do DS160, afinal temos quase certeza que 90% das suas chances de aprovação do Visto é com os dados fornecidos neste formulário.
  • Se vista naturalmente no dia da entrevista.
  • Quando for chamada para a entrevista, seja confiante. Não se mostre nervosa nunca, pois muitas vezes nervosismo é sinal de que você está com problemas, claro que a questão é outra, mas leitura corporal também é usada.
  • Responda exatamente o que te perguntarem na entrevista, nada de estender assunto, para não se enrolar.
Bom as melhores dias são essas. Afinal não há o que fazer para que o visto seja ou não aprovado, apenas carinho e muita dedicação nos preparativos!

3- Minha amiga está On a um mês e teve Match eu to a 5 meses e nada!
Bom o que fazer? Eu passei por isso fiquei ON 5 meses na Cultural Care e nada e com um mês de Au Pair in America (Experimento) tive match.
Meninas muitas vezes podemos ter várias horas e nada de match e outras com menos tem, é fato que a família tem que ir com a nossa cara, tem que olhar nosso vídeo, nossas fotos e nossa personal letter e gostar do que viram e leram, então façam com muito carinho o APP, pois é nosso cartão de vistas. Dicas:
  • Coloque a foto de perfil sorrindo e com roupas sóbrias.
  • Faça um bom vídeo
  • Em sua personal letter explique como você é, fale de sua família, faculdade, amigos e hobbies. Deixe claro que você está certa do que quer e sabe onde está se metendo!!!!
  • Faça uma linda colagem ou montagem com as suas fotos! Utilize ferramentas básicas de scrapbook disponíveis na web para fazer algo bonito e bem apresentável!
Muitas vezes o problema não é a quantidade de horas ou o nível de inglês, é como você se apresenta! Mas claro que o nível e inglês e as horas contam e muitoo, quem diz o contrário está mentindo, temos que ter na cabeça que isso é como uma entrevistas de emprego e que concorremos com pessoas não do Brasil e sim do mundo!

Bom os principais tópicos são esses!
Tenham em mente que ser Au Pair é ter amigas de blog, usar as comunidades do Facebook e Orkut, e sempre se lembre você não tem uma amiga mais sim várias o mundo relacionado as Au Pairs (ao menos as brasileiras) é muito unido!! Peque pelo excesso de perguntas e nunca por ter vergonha ou não perguntar e sofrer sozinha!

Também gostaria de dizer que amei conversar com as meninas, tivemos uma tarde gostosa e muito proveitosa e que sempre que pudermos devemos nos encontrar!

É isso!
Bjs!

Vocabulário: Reclamando, Exigindo e Criticando e Idioms

Uma das piores coisas em não ser fluente em Inglês, no meio de uma discussão, não conseguir dialogar ou dizer tudo o que queria por conta da barreira na lingua. Muitas meninas engolem sapo americano por não saber ou não ter a habiliade de dialogar em Inglês
Nessas horas a melhor coisas é decorar frases prontas. Ajuda um pouco a não ficar por baixo ..rsrs






What's the matter with you? - O que há com você?
That's bulshit! - Que besteria!
It doesn't make any sense! - Isso não faz nenhum sentido!
Get to the point. - Seja Objetivo.
This is none of your business! - Isso não é da sua conta!
Stay out of it! - Fique fora disso ou Não se meta nisso.
Don't bother me! - Não enche o saco! ou Não me encomoda!
Leave me alone! - Me deixa em paz
Get off my back! - Larga do meu pé!
Let me go! - Deixe-me ir!
Stop that, Stop it or Cut it out! - Pare com isso!
That's enough! - Chega, Basta!
Get lost! - Cai fora!
Out! - Rua!
Shame on you! - Que feio!
How disgusting, That's gross! - Que nojo!
I was ripped off! - Fui enganado!
I don't buy that! - Essa não cola!
Damn it,Shit! - Droga , merda!
It really pisses me off! - Isto me deixa p**!
It drives me crazy! - Isso me deixa louco!

Expressões fáceis e básicas, algumas nós já sabemos, mais no caso da duvida melhor ter escrito em algum lugar!

As easy as pie: Muito fácil.
Ex: I think this problem is as easy as pie to solve.

Chicken: Covarde
Ex John never replies to James. John is as chicken.

How come?: Por que?
Ex: How come you weren't at the wedding?

Jump to conclusions: Tirar conclusões precipitadas.
Ex: Don't Jump to conclusions.

On the dot: Em um momento exato/marcado.
Ex: Mark come home on the dot.

Rain cats and dogs: Chover canivetes.
Ex: Let's wait to go out because it's raining cats and dogs.

To be all ears: Ser todo ouvidos.
Ex: Tell me what happened, I'm all ears.

To be broke: Sem dinheiro, duro, quebrado.
Ex: I can't lend you money cause I'm broke.

To get it: Compreender algo
Ex: Do you get what I say?

You don't say!: Verdade?
Ex: Laura entered colleg. You don't say !

1.19.2011

A B C!!! Toda Au Pair vai ler e escrever!




Toda a Au Pair sabe que para se completar o ano com sucesso, tem que estudar. 

A família paga por U$500,00 em cursos pra você, desde de que o mesmo seja ministrado em um instituição reconhecida e não seja online.

Ao todo, tem-se que completar 6 créditos acadêmicos ou 72 horas de estudo.

1.18.2011

Scammers!!!

Como sempre, em todos os lugares que vamos sempre tem alguém querendo tirar proveito, dinheiro do Sonho e das esperanças de alguém. E no mundo Au Pair, não poderia ser diferente.


Muitas meninas, como eu, se inscrevem em vários Sites de matching, como Great Au Pair e muitos outras dezenas de sites iguais. E é nesses sites que mora o perigo!


Entre as milhares de familias, pode estar uma familia Scammer! Mais o que seria scammer?


1.17.2011

Como uma cebola. (Dressing in Layers)


Primeiro de tudo, o prazer e todo meu, de escrever pra vocês.

Meu nome e Maira , eu tenho 19 anos, e faz 4 dias que estou na casa da minha host family. Tenho um baby pra cuidar e meus hosts são o máximo. Super bem humorados, sabe? A gente ri MUITO!
Ainda não fiquei sozinha com o bebe, porque ele tem 2 meses e 3 semanas, e minha host vai ficar em casa até ele ter 3 meses.

O titulo do post é 'Como uma cebola' não porque eu vou me tornar redonda com a comida fantástica que meu host cozinha ou com a manteiga de amendoim suculenta que tem aqui ( ainda que essa seja uma possibilidade, :p ).  O titulo é esse, porque com esse frio (hoje fez -10 aqui em Boston) , o jeito de você se manter aquecida é se vestindo em camadas, ou como dizemos aqui, 'Dressing in Layers'.

Entao, o que seria se vestir em camadas?

Novo domínio!!

Para dar um passo para o sucesso (Sou exagerada eu sei!), resolvi usar um domínio (o endereço do blog!) personalizado, sem aquele 'blogspot.com'. O que me custou umas doletas, mais tudo isso é para que as leitoras tenham fácil acesso.

1.14.2011

Application: The letter

Uhuuu, chegou minha vez, como estou postando pela primeira vez aqui. Vou dar uma síntese do meu processo. Sou Ci/APC e entreguei minha documentação no dia 30/11/10, desde esse dia eu espero ficar on-line. Ou seja, sabem o quanto estou chata quanto a isso.  Mas isso porque necessito ir até março deste ano, porque se não for, terei que adiar minha viagem para junho/julho, pois irei cursar minha faculdade que por sinal está trancada. Ok, qualquer coisa vocês podem ir no meu blog e me acompanhar.  

Hoje irei falar sobre a Letter, pra aquelas Au pairs que estão ainda preenchendo o App.

1.10.2011

E a DESPEDIDA, como fica?!?!

Oiiiiis como estão???

Espero que todos bem!!!!
Provavelmente neste horario ainda estou dentro do avião chorando, ou dormindo, ou seila o que rsrs
Hoje domingo mas progamei o post então rsrs, queria dividir com vocês uma situação bem difícil que temos que passar nesta vida de aupair, A DESPEDIDA

Uma coisa eu digo, é a pior sensação do mundo, é horrivel e se não temos cabeça sulficiente nós simplesmente desistimos, ontem sabádo, me despedi do meu namorado e a familia dele, já que opnarão por não ir no aeroporto, e digo, se já foi difícil falar thau no quintal de casa, quanto dirá no aeroporto. Acho que nunca chorei tanto na minha vida, foi quando finalmente a ficha caiu!!!

1.06.2011

Dicas: Presentes, e agora?!

Eu gostaria de ter feito esse post antes. Mas como todo novo projeto é preciso de organização, cá estamos.
Estou aqui há 4 meses, e espero que alguns posts desse blog possa ajudar em questões que as vezes nem pensamos antes de estar aqui.

Uma delas, sobre quais presentes dar a host family e referente ao das kids.
Eu mesma fiquei com  essa dúvida, e se fosse hoje, não teria gastado nem a metade do que gastei. Portanto pessoal, tragam o básico do básico e mais barato possível. 

1.04.2011

Dicas: Como Conseguir o tão Sonhado MATCH.

Olá, meninas!=)

Bom, quem acompanha meu blog sabe que eu já estava meio que desanimando com esse processo de encontrar a família. Já havia dispensado duas famílias por falta de feeling. A palavra "feeling"(sentimento) pode soar não tão forte falando assim, mas é o primordial para um Match feliz. Se de cara você sente que não combinou com a família, como poderá ter um Match com ela? "Match", para quem não sabe, quer dizer "combinação". É a combinação entre você e a família. E para o bom "Match" acontecer, tem de haver o "feeling".
Bom, mas numa bela noite, apareceu-me a terceira família, de Connecticut. Foi amor à primeira lida do Essay deles...rs. Marcamos skype no dia seguinte. E nunca tinha me sentido tão confortável para conversar com uma hostfamily quanto senti-me com essa. E olha que pela primeira vez eu estava conversando com os dois hostparents, dad e mom, ambos na cam.