Como obter seu VISA

Não! Esse post não traz uma simpatia ou receita mágica para que você consiga aquele lindo carimbo colorido no seu passaporte, sem o qual não se pode viajar.

Classes: Estude em Stanford University On line

O que acha de estudar nas melhores universidades do EUA, on line e de graca? Princeton, Stanford University e outras mais.

Underage Places in NYC

Se voce eh menor de idade (under 21) e esta vindo para o EUA, voce com certeza ja deve saber que vai ter muitas restricoes aqui. Como por ex: Clubes, bebidas, barsinhos, baladas...

Tutorial: Preenchendo DS160 APIA

Depois de agendar , sua entrevista, é necessário preencher o DS-160. Você vai precisar de todos os dados da sua Host Family, que se encontram no seu Application On line.

Send Money to Brazil

Como funciona?Simples, voce precisar fazer um cadastro no site. Nada complicado. Dados basicos, endereco no EUA, e-mail e senha. Depois do cadastro voce automaticamente ja esta habilitado para fazer transacoes.

Malas e viagens internacionais

Quando compramos uma passagem aérea, em regra, temos direito a uma franquia de bagagem. O mais comum é podermos levar duas bagagens despachadas, uma mala pequena de mão e um item de uso pessoal (pode ser uma bolsa feminina ou um notebook, por exemplo). O peso e as medidas para cada volume...

Brazil for gringos

Here is the top 3 questions that I have been asked, or friends of mine have."Does it have power in Brazil?" ANSWER: "Nope, we just send smoke signals to each other, shower in the beach and cook in bonfires just like in the old times."

2.26.2011

Moments and Thoughts: Dicas!


Meninas, estava passando pelos blogs que eu sempre acompanho e então clique no blog da Nani, uma ex-pair (igual a nós), que depois de um tempo no EUA casou e está muito feliz dentre toda a diferença cultural. Segundo ela, quase nen percebe mais as diferenças rs.

Mas, esse post particularmente, tem dicas 'bafonicas' pra nós, recém chegadas ou não chegadas ainda do EUA. Feijão, Applesouce, Bibliotecas Publicas e Dicas pra Mulheres. Vale a pena ler.

Depois, quem quiser conhecer mais sobre a história dela como 'Moradora do estrangeiro' dêem uma olhadinha no arquivo de postagens dela e vocês verão que mesmo depois da vida de Au Pair, a vida é um pouco parecida, com altos e baixos, descobertas e o melhor de tudo muito 'amor' e felicidade com cada conquista! Super adoro e blog dela (deu pra perceber)

Segue então o Crtl+C e Ctrl+V do post dela com um toque a lá Sté modê! Há! 


------------------------------
Para aquelas que estao pra vir para os EUA e tambem para aquelas que estao aqui e ainda nao sabiam, vai aih algumas dicas variadas:

Fazer Feijao nos EUA - no Brasil eu nunca tinha feito porque minha mae fazia e eu morria de medo da panela de pressao. Aqui eu cheguei ateh a comprar uma panela de pressao mas nao tem jeito, morro de medo e nunca usei a bixa, e acho ateh que joguei fora. Entao como eu faco feijao aqui?imples. Vou no mercado e pego feijao enlatado (calma, nao eh todo feijao enlatado). Eu compro "black beans" (feijao preto) ou "Pinto Beans" (feijao marronzinho estilo nosso do Brasil. Tem varios outros tipos e tem uns que jah sao temperados estilo Americano (doce, e com uns temperos nada a ver), fiquem longe desses. Entao em casa eu refogo, alho, cebola, coloco o tempero (sal,cuminho, sei lah mais o que, eu gosto mesmo eh de sazon e voce encontra na area de "hispanic foods" (comidas espanicas). Pronto depois de refogar eu jogo o feijaozinho ali e deixo ferver. Pronto! Claro que nao eh igualzinho ao da minha mae, mas eh bem gostoso, e lembra bem o feijao brasileiro. Sei que muitos vao dizer que feijao enlatado nao eh saudavel, mas me diz o que eh 100% saudavel aqui nos EUA hein? Nem frango grelhado, que eh injetado com um monte de hormonio, nem verdura que eh cheia de produto (a nao ser organica)... bom, eu nao como feijao sempre, mas quando me da vontade faco assim. Eh uma ou duas vezes no mes mesmo. Nao vai matar comer um feijaozinho enlatado neh?

Substituicao para Oleo na hora de fazer bolos - Sabe os brownies, muffins que vem em caixinha pra gente fazer em casa? Ou ateh mesmo bolos caseiros? Pois eh, sempre pedem oleo na receita. A minha step sogra usa, ao inves de oleo, APPLE SAUCE (nem sei como fala isso em portugues - papinha de maca?) que tambem vende nos mercados, em potinhos pequenos ou grandes. Eh soh substituir a mesma quantidade de oleo pela de apple sauce (o que nao tem acucar). Eh otimo, voce elimina um monte de calorias, o colesterol, e o resultado eh maravilhoso! Funciona mesmo. Bryan e eu agora soh usamos Apple Sauce, ateh pra fazer pao!





Biblioteca Publica - Quando vim para os EUA como Au Pair eu queria fazer de tudo pra aprimorar meu ingles logo. Alugar DVD toda hora custava grana, e comprar livro (apesar de livros aqui serem bem mais baratos do que no Brasil), comprar pra que se podemos "pegar emprestado" nao eh mesmo? Todas as cidades ateh cidades pequenas tem uma ou mais bibliotecas publicas. Eh soh ir lah e fazer uma carteirinha (ve quais os documentos que precisam, nada demais, talvez driver's license - se nao tiver a sua, va com seu marido, mande ele fazer a carteirinha, voce pode usar tb- e talvez uma conta da casa provando o endereco que voce mora algo parecido). Na biblioteca voce pode alugar livros (tem de todo tipo) e dvds, cds, tudo que tiver lah. Eh otimo porque nao custa dinheiro, e voce tem umas 3 semanas pra entregar mais ou menos.
Bryan e eu descobrimos uma aqui em Farmington LINDA, enorme, cheia de coisas. Eles tem ateh computadores com internet, que podemos usar, eh soh botar o nome e numero da sua carteirinha!


Servicos de massagem, cabelos, unhas, depilacao, limpeza de pele baratos!!! - Muita gente sabe o quanto esses servicos sao careiros aqui nos EUA neh. Eu descobri que em Beauty Schools (escolas e faculdades de beleza) voce consegue um corte de cabelo por 7 dolares, unhas por uns 5 dolares, e limpeza facial de uns 10 dolares... massagem (45 minutos a 1 horas) uns 25 por hora (ao inves de 50, 60 nos saloes). Claro que nao vai ser assim absolutamente perfeito, mas eh muito bom. No Ihop em Tucson tinham umas 4 meninas que cortavam e pintavam cabelo em Beauty Schools, e pasmem, cortes modernos, lindos, sem nenhum defeito!!!! Unhas tb, sempre bem feitas, e pagavam preco de banana!
Eu pessoalmente soh arriscaria cortar o cabelo se fosse as pontas, mas o resto, massagem, limpeza de pele, unhas, depilacao, eu faria na boa numa dessa beauty schools. Elas sao treinadas, e tem profissionais acompanhando todo o trabalho delas, entao eh super legal. Eu vou marcar limpeza de pele aqui no Departamento de Cosmetologia da minha faculdade. Procurem nas community colleges aih da cidade de voces, ou ateh mesmo faculdades tecnicas.


Espero que tenham gostado, porque eu gostei!

Beijos e Inté!

2.25.2011

A famosa fotocolagem! :)

Muito boa noite a todos! :)
Primeiro de tudo, me desculpo por causa do portugues sem acento...
Meu tema de hoje e' a famosa fotocolagem ! Algumas pessoas fazem pelo computador e mandam imprimir, outras pessoas como eu fazem com fotos, papel e cola de verdade (eu sou maniaca por scrapbook, entao minha fotocolagem foi um projeto e tanto).
Nao importa como voce faca a sua, e' preciso quatro C's :

Cuidado:

Cuidado nao no sentido de perigo, e sim no sentido de zelo com o que voce quer que a familia veja.
Cuidado para nao colocar fotos improprias (exemplo: fazendo biquinho, de lingua pra fora , dando selinho em quem seja, de biquine, com um decote gigante, de barriga de fora ... ) , cuidado para nao colocar dez fotos com seu namorado e uma foto com a crianca que voce cuidou, cuidado com o ingles na hora de escrever (nao quer dizer que o ingles tem que ser impecavel, so tem que cer legivel! Dica: a forma correta de dizer fulano e eu eh Fulano and I e nao Me and Fulano) .
Se estiver fazendo a mão, cuidado ... muito cuidado pra nao encher a pagina de glitter ou de adesivos do Piu-Piu - e' melhor uma pagina com espacos vazios do que uma pagina com um monte de coisas simplesmente jogadas ali para ocupar espaco!

Carinho

Tenham carinho pelo trabalho que voce esta fazendo. Coloque fotos de voce fazendo algum hobbie! Se souber nadar, coloque uma foto no mar/piscina!
Pensem que de certa forma a fotocolagem faz parte do seu curriculo!


Criatividade

Tenho certeza de que quem gosta de trabalhar com crianca tem um monte de criatividade no sangue. Mostre isso pras host families! Uma pagina com um monte de fotos todo mundo pode fazer, agora se voce botar sua criatividade pra funcionar e fizer algo unico , com certeza sera vista/o com outros olhos pelas familias que estiverem olhando. Ate porque muitas familias tambem pedem para as proprias criancas darem uma olhada nas fotocolagens!

Capricho

Impressao em alta resolucao, nao ter mancha de cola, recortar certinho , organizar as fotos por conteudo (mais uma vez, nao simplesmente jogar fotos numa pagina), enfim , caprichar , com certeza conta muitos pontos! Capriche !


Eu amei fazer minha fotocolagem, e pra ilustrar vou colocar algumas paginas das que eu fiz!




Tenham um final de semana maravilhoso, um beijo enorme,
Maira Cadaxa

2.24.2011

Vocabulário: Objects in the Home

Olá meninas,


Estava eu lendo uns dos diversos textos que recebemos da APIA pós-Match e deparei-me com um bem interessante e que pode ser de grande ajuda para nós, aupairs. Ele tratava dos objetos que precisaremos usar pela casa no nosso dia a dia, para cuidarmos das crianças menorzinhos, bebês e toddlers. Claro que todas nós (assim acredito...rs.) conhecemos todos eles, pois são objetos comuns em todos os países, ou pelo menos na maioria deles. No entanto, temos de saber seus nomes no idioma do nosso país anfitrião, no nosso caso, no Inglês, para facilitar nossas vidas quando chegarmos lá. Então, lá vai!




Stroller = Carrinho It's a carriage in which small children are pushed.



Potty Seat = Pinico ou "troninho" ^^ hehe...:
A small pot for use as a toilet by an infant or young child.





Car seat = Cadeira de segurança no carro: A seat used by a child while in a vehicle, for safety purposes.




High Chair = Cadeira de bebê: A chair with long legs, used by a baby or young child at mealtimes.




Security Gate = Cercadinho: A small gate used to limit the movement of a child around the house/home/area.




Jumper = Andador: A small wheeled seat used to entertain a child.




Snugli = Sorry! I don't know a name in Portuguese for this one(lol). If anybody there knows, tell me...: A baby carrier which allows the person caring for the child to move about freely while keeping the baby with them.




Sippy Cup = Copinho: The sippy cup is a spillproof drinking cup designed for toddlers. The sippy cup works via surface tension which prevents liquid from being spilt even when the cup is upended to an upside-down position.



Bib = Babador:
A bib is a garment worn hanging from the neck on the chest to protect clothing from spilling. It may be made of cloth, plastic or other materials.





Baby Bottle = Mamadeira: A baby bottle is a bottle with a nipple used to feed a baby formula, breast milk or other liquids.




Diaper Pail = Cesto/Balde de fraldas: A receptacle/holder used for the disposal of used/soiled diapers.



Diaper = Fralda:
A diaper (in North America) or nappy (in Britain, many Commonwealth countries and Ireland) is an absorbent garment worn by individuals who are incontinent, that is, lack control over bladder or bowel movements, or who are unable to reach the toilet when needed. This group primarily includes infants and young children, as well as some elderly people, some with a physical or mental disability.





Booster Chair = I also don't know the Portuguese name for this one=S...If you know, don't forget to tell me=): A Booster Chair is a table level child seat, used to contain a baby/small child during feeding.




Teething Ring = Mordedor para gengivas: Teething rings and other toys are often designed with materials and textures that will soothe the sore gums of a child whose teeth are cutting through.




Pacifier = Bico ou Chupeta: A pacifier (North American English), dummy (British, New Zealand, and Australian English) or soother (Canadian and Irish English), is a rubber, plastic, or silicone nipple given to an infant or other young child to suck upon.




This is it, girls. I hope I could help you with these pieces of information! Luv ya!
xoxo


Kely M.

2.23.2011

I'm in the USA... What about my English now?


Hi there, guys! What are you up to?

O tempo passando rápido e cá estou eu novamente para a minha colaboração mensal.
E hoje vou falar sobre como melhorar o inglês estando nos Estados Unidos como au pair.

O objetivo principal de um intercâmbio é o de melhorar a língua. Alguns objetivos secundários vêm agregados, tais como amadurecer, conhecer mais de outra cultura, viajar, até cuidar de crianças e quem sabe descolar um green card hehe Brincadeiras à parte, aprimorar a língua falada no país de destino é o objetivo central, mas se não houver dedicação, ele fica pra trás.

O au pair oferece a oportunidade de se aprender e praticar inglês no dia a dia com um alto nível de independência. O que eu quero dizer é que depende de você aperfeiçoar a língua porque apesar da bolsa de estudos paga pelos host parents, au pair estuda muuuuuito pouco, pois as aulas são em média de cinco horas por semana e estão condicionadas as oportunidades de estudo na região onde mora e no tempo livre que tem para estudar, ou seja, o estudo acaba ficando em segundo plano em relação ao trabalho. É muito pouco dependendo do quanto de gramática e vocabulário você precise para daí passar a se comunicar de forma mais adequada e clara, passando a experimentar com a língua, ou o que é conhecido como fluência*. As candidatas (os candidatos) a au pair devem ficar atentas(os) a isso, pois muitas vezes o tempo que se permite ficar nos States somado ao baixo custo do programa, saltam aos olhos e aí ao estar aqui a(o) au pair se decepciona com o intercâmbio porque queria estudar todos os dias, com mais intensidade, e se dá conta que veio aqui muito mais para trabalhar do que para estudar e essa frustração é muito ruim e pode ser evitada. Porém, o au pair é muito bom para desenvolver a língua se a(o) au pair "correr atrás da máquina" como diria a minha mãe.

Muito importante é já ter um inglês legal, pois quanto melhor for seu inglês, mais fácil fica uma vez que ao invés de aprender o beabá, você vai correr atrás de aprimorar, polir o seu conhecimento. Por isso, estude, estude muito antes de vir. Curso de inglês é caro, eu sei, mas há muitos sites e blogs na internet que oferecem dicas de graça no seu email e que sempre publicam explicações gramaticais, dúvidas comuns e expressões, como o  English Experts. Há também sites de exercícios gramaticais: Agenda Web, Learn English, http://www.manythings.org/. E também sites de dicas como Tecla Sap.

Isso sem contar que quanto melhor o inglês, mais fácil fica conseguir uma família, pois as famílias também precisam sentir que vão poder ao menos se comunicar com você sobre os filhos deles.

Uma vez estando aqui, o que fazer para melhorar? Bom, além das aulas que vão contar para preencher o quesito educacional do seu programa, você pode:
  • Procurar por high schools perto de você que ofereçam programas de educação continuada, sendo inglês um deles. São aulas de ESL (English as a second language - Inglês comos segunda língua) geralmente duas vezes por semana e são de graça! As bibliotecas públicas também oferecem workshops, clubes de conversação, aulas de conversação, assim, investigue o site da biblioteca pública da região em que vai morar ou mora, porque essas aulas também são de graça;
  • Assistir TV em inglês. Descubra o horário em que seus seriados favoritos passam e assista-os. Ao assistir TV, você aprende sem fazer muito esforço, então fuce a programação e assista tudo que for de seu interesse. Quando assistir a algum desenho animado com as host kids, preste atenção à TV também;
  • Assistir a filmes. Americanos geralmente têm muitos filmes em casa e as bibliotecas públicas oferecem locação uma vez que você seja associado, além de locais como a rede Seven Eleven, que oferece aluguel de filmes por 1 dólar. Ao assistir a um filme, coloque a legenda em inglês, caso se sinta mais confortável. Acompanhar legenda é uma questão de prática;
  • Ler. Leia as revistas de moda que chegam pra sua host mother, o jornal, leia os livros infantis das suas host kids, os catálogos, leia tudo. Pegue livros na biblioteca... leia na internet;
  • Se expor. Evite, ao ir a um restaurante ou uma loja, pedir para a sua amiga que parece falar inglês melhor fazer o seu pedido ou tirar uma dúvida. É sua amiga que vai praticar, não você. Se exponha em diversas situações, para aprender como se virar nelas. O máximo que pode acontecer é o seu pedido vir errado;
  • Faça amizades com estrangeiros. Pode ser amizades com americanos mesmo, na igreja ou na faculdade, por exemplo. E converse com seus host kids e host parents. Nativos sempre dão dicas de vocabulário, de pronúncia. Se amizades com americanos não for uma opção muito simples, tente pelo menos fazer amizades com au pairs de outros países, pois quando vocês estiverem juntas(os), o inglês vai funcionar como língua franca, sendo a única opção para conversar. Muitas(os) au pairs falam mal das alemãs, mas antes de tachá-las de chatas, grossas, etc. procure conhecê-las, pois a maioria delas tem um inglês ótimo (por conta do sistema educacional alemão, em que a maioria das escolas é bilíngue). Além do que, fazer amizades com estrangeiras abre um leque de oportunidades, como a possibilidade de uma viagem para outro país no futuro tendo onde ficar;
  • Preferir famílias com kids mais velhas, de preferência já em fase escolar. Muitas(os) vão discordar de mim, mas crianças maiores podem ajudar a(o) au pair com a língua e ela(ele) pode aprender muito auxiliando nas tarefas escolares. Não me levem a mal,  mas passar várias horas do seu dia com bebês pode não ser tão válido para o seu inglês como passar as mesmas várias horas com crianças que já conversam, como a partir dos seis anos, quando começam na primeira série.
Não quero dizer que se deva evitar todo e qualquer contato com o português e com brasileiras. Falar português, sair com brasileiras ajuda a diminuir a saudade, mas é preciso cuidar para não voltar para o Brasil falando português melhor do que quando embarcou. Melhorar seu inglês depende somente de você.

*Fluência é um termo muito confundido e erroneamente utilizado. Como professora de inglês e graduada em Letras, eu entendo a fluência como a habilidade de poder se comunicar, se virando mesmo numa situação que não lhe é familiar e com vocabulário que não é do seu conhecimento. Portanto, pra mim, fluência independe do nível de inglês e tem mais a ver com a desenvoltura, as tentativas, os experimentos com a língua. Uma conversa natural, fluída, indica essa fluência. Difere de proficiência, que é quando alguém é capaz de utilizar a língua em diversos contextos com alto grau de conhecimento linguístico.

See ya in March!

Bruna

2.20.2011

Pequenas atitudes fazem toda a diferenca

Ola a todos, como estao? Espero que bem e que estejam gostando do blog =)
Bom pessoinhas, estou sem acento, e ta valendo espero que consigam me intender. O post esta programado a um tempinho porque se eu deixasse pra fazer hoje dia 21/02 iria ser a maior tortura pra mim ja que hoje eh aniversario da minha afilhada, sobrinha, a coisa mais gostosa da minha vida que esta no BR =/

Mas vamos ao que interessa ao post de hoje, e hoje fazem 43 dias que estou por aqui e como tem sido? Ainda estou em honeymoon com tudo isso aqui, estou conseguindo seguir em frente com meus objetivos e isso eh otimo!!!!

Como assim pequenas atitudes fazem toda diferenca entre aupair e host family???? Pois eh, e FAZEM, e por sinal muita!!! Vou dar algumas dicas que recebi, outras que ganhei durante a vida e outras que vamos aprendendo com o tempo....

No meu caso eu cuido de gemeos de 4 meses, e com isso eh tudo sempre em dobro, quando cheguei aqui logo precebi que tinha horas que minhas hosta ficava meio perdida com eles as vezes, mas isso eh super natural, afinal ela tem quase 50 anos e de repente se ve com dois bebes recem-nascido dentro de casa, eu sempre cuidei de criancas, entao eu tinha confianca e certeza do que falava ou fazia.

Eh muito normal quando chegamos na casa da familia ficar alguem com nos por alguns dias ou horas, e eh horrivel trabalhar com alguem em cima de voce, porque parace que a familia esta esperando um erro seu a qualquer momento e comecar a te chingar e isso eh em qualquer emprego que temos, mas aqui as coisas sao com mais intensidade, ja que aqui voce pode fazer qualquer coisa, mas ai de quem relar um dedo em um fio de cabelo da crianca.

Mostre confianca SEMPRE, mostre que voce sabe o que esta fazendo, que ja fez isso antes, e nao que apenas colocou em seu app pra aprimorar ou tentar vim mais rapido, nao vale a pena, e de dicas, fale como voce fazia no BR, que voce conhece truques pra ajudar as kids em algo, meu caso, truques pra ajudar com sluco, colica, minha hosta amou, pois ela nao conhecia e viu que ajudou a crianca e sempre pego ela fazendo o que eu fazia no comeco com eles.

Ajude na casa, por mais que voce nao precise, mas ajude nem que seja tirando seu prato da mesa, ou tirando a louca da dishwasher, ou arrumando mesmo, o quarto das kids, guarda-roupa, cozinha, sala de brincar, sala, o lugar que voce fica. Surpreenda sua familia, ajudando na janta e nao ficando off e ja ir pro quarto e ficar la ate o dia seguinte, eles gostam de conversar, que voce conte como as kids foram, o que aprenderam, se choraram, cantaram, dancaram ou estouraram pipoca rsrs

E isso eh muito bom voce fazer parte do cotidiano deles, afinal eh uma forma de nao ficarmos a maior parte do tempo no quarto, porque se isso acontecer eh homesick na CERTA, aqui eu estou tendo uma relacao muito saudavel com meus hosts, converso sempre com eles, eles estao sempre a par dos meus planos, ferias, o que quero e o que pretendo fazer, e com isso eu to ganhando muita coisa e fazendo oque? PEQUENAS ATITUDES.

Sejam voces mesmo, nao tenha vergonha de falar, de participar, de mostrar o que acha quando estiverem conversando, se ta certo, se ta errado, se eh assim ou assado, compre o que queira comer, faca coisas do Brasil pra eles comemorem, aqui eu trouxe panela de pressao e feijao tem toda semana aqui, eles amaram, procurem fazer essas coisas pequenas, que com certeza vao ganhar muita coisa em troca, e sempre mostrando que quer fazer parte da familia, que quer participar...

Sao pequenas coisinhas assim que tem feita a diferenca pra mim aqui em relacao, e ajuda sim viu, aqui eu nao preciso comprar nada com meu dinheiro eu falo pra eles e eles compram pra mim, tudo que quero eles compram. Entao pessoal eh isso espero que todos tenham sorte de encontrar familia como a minha que quer fazer parte, que quer que eu faca parte, que colaboram, ajudam e conversam, pois isso da parte deles tambem NOS ajuda muita a nao ficarmos depre, querendo chorar e ir pra casa.

Bom meus queridos eh isso, fiquem todos com Deus, desculpa o post gigante rsrs.

Bjua e mais aventuras da Kelinha voces encontram no meu blog ;)

2.18.2011

Solicitando a P.I.D (Permissão Internacional para Dirigir)

Diferente do que muitas Au Pair pensam, a PID é totalmente obrigatória. Mesmo que, no estado que você vai morar seja necessário o uso da Driving License.

A PID não nada mais que a Tradução Juramentada da sua Habilitação Nacional, com o mesmo prazo de validade, a qual permite a você dirigir em qualquer lugar do mundo que aceite nossa Legislação de Trânsito. Os EUA é um desses países, porém cada Estado nos EUA tem sua própria lei sobre Direção para Turistas ou Estrangeiros.


2.16.2011

Planejamento

Oi girls!
Olha eu mais uma vez aqui escrevendo pra vocês... O assunto de hoje é sobre planejamento, para você que vai custear o intercâmbio by yourself.
Como você pretende se planejar financeiramente para isso?
Praquelas que ganham pouco assim como euzinha, o melhor a fazer é ir comprando as coisas aos poucos e  juntando a quantia necessária pra pagar o programa e mais os gastos com visto, passagem pra quem não mora em SP nem no RJ, e o dinheiro pra levar pros USA.
Vou dar o meu exemplo aqui. Bom... eu, como comecei a trabalhar agora em Fevereiro, não vou ter dinheiro pra resolver nada do intercâmbio em Março, pois tive outras despesas mais urgentes. Então meu plano é o seguinte:


Abril: Pagar provas do Detran + contas + juntar dindin
Maio: Juntar dindin
Junho: Juntar dindin 
Julho: Juntar dindin



A partir de Agosto já fica indefinido, porque não sei se vou passar de monitora à teacher, não sei se vou começar uma faculdade, não sei se vou continuar no emprego, não sei de nada. Só sei que vou adiar mais meu intercâmbio, e infelizmente isso é a única coisa certa que tenho.
Mas voltando... Caso tudo dê certo e eu vire teacher, vou ter mais salário, mas também mais despesas. De qualquer forma, vai sobrar um dinheirinho pra colocar na poupança pro intercâmbio. E quando chegar mais perto de voltar ao processo, será a hora de comprar as malas. Depois pagar a inscrição, e por último, gastar o dinheiro suado que economizei pra pagar o programa, visto, etc. É um processo lento girls, mas gradual.


"Ser feliz é ser agora. Não interessa a chegada, o importante é caminhar."


E o post de hoje foi meio pobrinho... Eu juro que queria dar print de uma planilha de gastos mais detalhada, mas como eu não sei ainda os valores que vou ter que pagar, não ia adiantar muita coisa.
Mas espero que vocês tenham entendido a mensagem do post.


Beijos e até a próxima!
Dindy


2.09.2011

Os abomináveis

Calma gente, não é o Pé grande ou coisa parecida, nãoooo, é coisa pior #ounão!!! São os nossos SENTIMENTOS.  Hoje irei comentar um pouquinho do que nós todos passamos nesse mundo de Au pair. Acho que até mesmo os males au pair são pegos por esses sentimentos. Começarei falando da nossa companheira de todas as horas, a ANSIEDADE e começarei com ela não porque acho mais legal, mas porque acho que tudo começa nela. #maybe
No entanto, quase nunca sentimos ansiedade sem sentir PREOCUPAÇÃO. Vamos entender o significado de tal. Segue, de acordo com o Dicionário Priberam.

Preocupação 
s. f.
1. Estado de um espírito ocupado por uma ideia fixa a ponto de não prestar atenção a nada mais.
2. Inquietação.
3. Desassossego.
4. Pressentimento triste.

Esses dois sentimentos atrelados nos acaaaaabaaa, literalmente. E como tem escrito ali em cima, um estado de espírito que nos deixa tão cegas que fazemos coisas que nem sempre é o mais certo ou no momento certo. Como largar emprego, largar faculdade, em busca apenas do sonho em questão. Ainda mais sendo o programa au pair que venhamos e convenhamos é o programa mais incerto que já vi. 
Nos inscrevemos e vamos fazer a papelada do app, essa é a única parte que podemos fazer acontecer sem muita agônia, mas para aquelas que não tem carteira de motorista. Aaaaah, aja PACIÊNCIA pra lidar com o detran, não importa em qual estado brasileiro, sempre leva-se tempo e mais tempo.
Quando finalmente entregamos o app, achamos que vamos ficar bem, não, doce ilusão, começamos a ficar a mercê das agências e ai negada, vamos esperar pra ficar online. Eu, particularmente, sei o que é sofrer com o fato de não estar online e seu tempo curto. E me vi pega pela RAIVA, simplesmente uma vontade de quebrar o barraco na agência e só sair quando estiver online. Mas como somos meninas e meninos muito comportados, continuamos com nossa educação. Ok, ficamos online, vamos esperar as famílias... se temos contato ficamos ultra, mega, power FELIZ, mas depois o MEDO bate na porta. Porque vem os questionamentos: Será que eles vão gostar de mim? Será que meu inglês é bom? Será que a cidade é legal? Será? Será? Será?... Depois, encontramos a family e ai vem o visto e mais uma vez esses sentimentos, mas nesse caso na ordem inversa, sentimos primeiro o MEDO e depois quem sabe a FELICIDADE, mas as vezes acontece da TRISTEZA dar as caras e quando ela vem, vem junto com a ANGUSTIA, porque passamos a nos perguntar e agora? O que vou fazer, tentar de novo? 
Finalmente, conseguimos tudo e vamos viajar, mais um pouco de dose de cada um desses sentimentos, doses e mais doses de adrenalina. Chegando lá, tudo isso acontece a cada dia, mais ai aparece também a SAUDADE. E essa será nossa companheira dai pra frente, então temos que ter FORÇA pra continuar.
Todo esse processo nos faz ser fortes antes mesmo de chegar lá e tenho certeza que depois de tudo, temos mais certeza e conseguimos suportar o que irá vir até nós, pois aprendemos a lidar com eles e acredito que por isso é tão válido esse intercâmbio, somos provados a todo momento. Mas, lá no começo eu tinha dito que a ANSIEDADE é a principal, porque sem ela a gente não tomava certas decisões precipitadas, não ficaríamos "freaking out"; na realidade temos que domar ela e como faremos isso? Se no entusiasmo a gente faz blog, participa do facebook, orkut e está a todo momento em contato com o programa. 

Eis que vou dizer... Fazendo hobbies. Se você está sem fazer nada, procura andar, nadar, cantar, escrever, enfim, fazer coisas que te ocupem que te façam esquecer e de preferência o mais LONGE possível do computador. Sei que somos Au poor, mas somos criativas e também podemos descobrir uma forma de ocupar a mente, sem gastar e sem estar no computador. Nem que seja indo passar um tempo na casa da amiga, vô, tio, primo ou procurando um trabalho, estudando. Enfim... existem milhões de formas de resolver isso. NÂO É FÁCIL!!! Lembrem-se, sempre, disso!! =]
Jamais, deixem suas vidas pararem por conta de algo que você não sabe quando vai acontecer realmente, infelizmente, essa é a realidade. Depois pode ser tarde de mais voltar atrás e tentar consertar o que já passou, na realidade, não dá, não volta. É uma decisão particular, é claro, mas esse é o meu principal conselho de hoje.

E por hoje fico aqui. Tô adorando isso aqui... espero que vocês também, espero que esteja ajudando vocês!! 

Beijos e queijos!
;*

Camila M.

2.08.2011

Coloring Pages - Nutrition!

Atividades para se fazer naquele tempo chuvoso, ou com muita neve onde 'Outdoors' não é uma boa opção.
Nada melhor que 'PAINTING', e melhor ainda, é quando a Pintura estimula algo a mais na Criança.
Nesse caso, pode ser 'Apetite', ou até mesmo 'Aprender a Escrever' pois pintando, você ensina como se escreve a figura que está sendo pintada, além de proporcionar pra sua Kids momentos de diverssão.

Então separei umas 'Coloring Pages' sobre Alimentos e Foods, fica seu critério como usar. Eu particularmente,acho super interessante a pegada de ensinar 'Como se escreve', e pedir para que a Kids escreva embaixo da figura, assim você a distrai e ensina ao mesmo tempo, e aposto que vai deixar sua Host Family super feliz. Depois da atividade, você ainda pode selecionar as melhores pinturas com 'escrita' e pedir que a Kid (toda feliz pelo feito) mostre para seus pais. E eles vão ver que SUPER Au Pair você é!




2.07.2011

Driver's License

A primeira coisa que pensei quando fui tirar a PID foi quanto é cara pra uma coisa que não vale p* nenhuma aqui nos EUA.
Em todo caso para evitar problemas maiores...mas não sei qual a obrigação em ter a PID
A carteira de motorista brasileira vale muito mais. Basta você usar ela com o seu passaporte.
Mas o melhor conselho é tirar a driver’s license aqui no EUA.
Cada estado tem a sua ID, e algumas regras podem variar de estado para estado.
Mas calma, não é um bicho de 7 cabeças. Algumas regrinhas podem ser um pouco diferente, mas isso que se pega com o tempo.



Tem host family que banca a driver’s license, inclusive algumas aulas, mas tem outras que não. Isso não é obrigação deles.

A 'Profecia' foi lançada!

E como diz o profeta: 'Abençoado aquelas(eles) que estão On line...
... Pois em tais tempos de tanta tristeza, em uma época Deus proverá familias!E elas transbordaram seu Application de alegria!

Tá, desculpa por ter usado o nome de Deus em vão (nen tanto!) Pois, pra aquelas que creem nele e em seus milagres (Igual a mim) Sabe que não basta só a vontade dele, e sim nossa luta e anceio de buscar a nossa prorpia felicidade e não perder a oportunidade por ele dada.


Pois bem, que lendo o AuPairMom, me deparo com o tal Post 'Slim Pickings: Making the best of an ‘off season’ au pair search' Em em um certo paragrafo eis que ele me dá a LUZ no fim do túnel, ou o conforto que tanto esperava! Pois um mês e pouco on line só UM contato de Host Familis é frustante! E não sou só eu!! Temos mais queridas au pair no mesmo barco, onde achávamos que iamos direto ao abismo da solidão sem Host Family e o sonho Au Pair se afundando no mar escuro! - E sentido como se fossemos a merda enroscada na bota do Bandido. e não era um 'Curinga' da vida, mais aqueles bandido de faro-este de quinta que ninguém conhece!

Eu sei eu sei, drama de novela mexicana, mais quando se é Aspirante Au Pair, tudo fica maior mais dramático do que o real! Explosão de Sentimentos - Mode on!

Pois bem amigas, pra você que está on line ou ainda preenche o app, bora ficar feliz porque a Época de Familias fartas está chegando! Então, vamos nos preparar para encantar as Host Families, e Finalmente ser Au Pair de verdade!

Leia:

 ''The pool of au pair candidates (and host families) is deeper at some times of year than at others.We host parents have a sense that Spring (end of school year) and Late Summer (just before start of school) have relatively deeper pool of candidates. And, many of us prefer these times to match with au pairs, since we can orient the au pair to the upcoming change in schedule.'' [Clique para ver o post completo no AuPairMom]

Pra quem não sabe a Spring, é primavera, e nos EUA começa em MARÇO e termina em MAIO, então, temos um mês pra nos preparar ou entregar o Application pra ficar on line até lá, pra não perder a fartura de Families que será! 

E não é só o AuPairMom que diz que essa época (Hoje) o Application não estã pra Families, mandei um e-mail para APIA e eles responderam -+ assim :

''Also, at the moment the matching process is quite slow because there aren’t as many families looking for an Au Pair. I kindly asked you to be patient and wait for the right family to contact you.''

Thanks.

Kind Regards,

Ulrike Pelz

Espero que tenham gostado da Boa Nova! E como toda au pair ja sabe 'Não desanimar NUNCA'

Abraço,

2.04.2011

Kids Songs - Old MaCdonald and Alphabet Song

Musiquinhas para cantar com as Kids.

Alphabet Song 
A-B-C-D-E-F-G
H-I-J-K-L-M-N-O-P
Q-R-S
T-U-V
W-X
Y and Z
Now I’ve sung my ABC’s
Next time won’t you sing with me?


Old MaCdonald 

Old MacDonald had a farm,
Ee i ee i oh!
And on this farm he had a cow
Ee i ee i oh!
With a moo, moo here,
And a moo, moo there
Here a moo there a moo
Everywhere a moo, moo

Old MacDonald had a farm,
Ee i ee i oh!
Old MacDonald had a farm,
Ee i ee i oh!
And on this farm he had a pig
Ee i ee i oh!
With a oink-oink here,
And a oink-oink there
Here a oink there a oink
Everywhere a oink-oink
Old MacDonald had a farm
Ee i ee i oh!

Old MacDonald had a farm,
Ee i ee i oh!
And on this farm he had a duck
Ee i ee i oh!
With a quack-quack here,
And a quack-quack there
Here a quack-quack there a quack
Everywhere a quack-quack
Old MacDonald had a farm
Ee i ee i oh!

Old MacDonald had a farm,
Ee i ee i oh!
And on this farm he had a dog
Ee i ee i oh!
With a arf-arf here,
And a arf-arf there
Here a arf-arf there a arf
Everywhere a arf-arf
Old MacDonald had a farm
Ee i ee i oh!

Old MacDonald had a farm,
Ee i ee i oh!
And on this farm he had a cat
Ee i ee i oh!
With a meow-meow here,
And a meow-meow there
Here a meow there a meow
Everywhere a meow-meow
Old MacDonald had a farm
Ee i ee i oh!

Old MacDonald had a farm,
Ee i ee i oh!
And on this farm he had a chicken
Ee i ee i oh!
With a cluck-cluck here,
And a cluck-cluck there
Here a cluck there a cluck
Everywhere a cluck-cluck
Old MacDonald had a farm
Ee i ee i oh!

Old MacDonald had a farm,
Ee i ee i oh!
And on this farm he had a donkey
Ee i ee i oh!
With a ee-haw here,
And a ee-haw there
Here a ee there a haw
Everywhere a ee-haw
Old MacDonald had a farm
Ee i ee i oh!