3.21.2011

Bullying?

Aposto, que todo mundo já sofreu um dia. Como também aposto que a maioria já conhece o nosso Herói Casey, da Austrália, que alguns dias atrás, revidou uma ação de bullying que já vinha sofrendo a mais de dois anos.

Quam não viu Clique Aqui.

Pois é, ele virou um ícone para mais de milhões de pessoas no mundo inteiro, inclusive pra mim, que por ser fofinha já passei por casos de bullying, mais nada comparado com o que ele já sofreu! Hoje é considerado como um herói e recentemente, ele deu uma entrevista a uma rede de tevelisão, e com partes muito emocionantes, admitindo que já passou pela sua cabeça cometer o suicídio.


Todo mundo sabe, que no EUA o bullying é muito comum, e muito forte também. Cansamos de ver isso em filmes, séries e sabemos que não se trata apenas de uma ficção (quem dera) inventada por alguém de muito mal gosto. Infelizmente, no país da perfeição (onde mais da metade é obeso), gordurinhas extras não são permitidas, ou eles acham qualquer outro motivo para te 'zuar', se você não é Lider de torcida, ou jogado do time de Futibol da escola, você se torna um 'Zé ninguém'/ alvo fácil, ou seja último nível da Pirâmide de Popularidade, esperando a hora de ser pisoteado pelos que se auto-consideram superiores . Desde de a Pré-escola até na Faculdade, essa merda nunca acaba! Até mesmo nossa querida diva Pink, já fez uma musica como protesto a isso, 'Fucking Perfect', algumas línguas dizem que é história da vida dela (Eu também acho!) .

Então eu te pergunto, em um país onde isso é comum, e não tem solução por parte da Escola, e até mesmo falta de conhecimento dos pais, você como Au Pair, descobre que sua Host Kid está passando por isso na sua escola, (O que pode até ser a resposta por falta de comportamento e excesso de agressividade por parte da mesma com você!), Qual a atitude que você tomaria?

No meu ver, é muito complicado, pois depende da família. No caso você poderia sentar, conversar com os pais, pedir para que eles conversem na escola, contar a eles a mudança no comportamento da menina, o humor instável, e todos os sintomas do bullying. O problema é que, familias muito ocupadas, vão fazer de mil e umas desculpas para não fazê-lo, vão tentar te convencer que é manha porque a Kid não quer ir a escola, ou dizer que ela tem que crescer e ignorar isso, pois aonde ela for sempre vai ter. Ou então, você poderia ir a escola e você mesma conversar, mas infelizmente por sermos apenas Babás, não temos peso nenhum, se alguém chegar  a te receber, com certeza vai entrar por um ouvido e sair pelo outro no minuto em que virar as costas. E agora? O que fazer?

Deixem a suas opiniões nos comentários, e no próximo post, vamos fazer a média do que vocês concordam em ser a melhor atitude. Pois nunca sabemos se isso pode acontecer com você ou com a sua amiga Au Pair que mora do outro lado da cidade.

4 Comments:

  1. Nossa Stéfani, eu vi o vídeo dele batendo no menino mas ainda não tinho visto sobre a história dele!! Fiquei mega emocionada.

    É bem complicado essa relação Bullyin / Au pair, pq é bem isso que vc falou, seremos apenas babás.
    Mas se eu tivesse alguma criança nessa situação, a primeira coisa q eu faria era falar com os hosts!!! Crtza....

    Mto triste td isso, Deus queira que não peguemos crianças que sofrem de bullying!

    ReplyDelete
  2. aaah... adorei o blog!!!
    Estou seguindo!
    ;)

    Tbm tenho um, dá uma passada qdo der:
    http://diariodaelo.blogspot.com/

    Bjinhos

    ReplyDelete
  3. Obrigada Elô, é muito complicado mesmo!

    Estou seguindo de volta!
    De uma olhada na nossa pagina de blogs das Au Pair, se o seu blog não estiver lá, por favor comente que nos colocaremos caso vc queira!


    Beijos

    ReplyDelete
  4. Oi Stefani,
    olha, o meu Kobo (que eh a marca da Borders, custou $99.00 porque eu tinha um coupon promocional, mas acho que o preco normal fica por volta de $150.
    Meu face?? eh Renata Assis, mesmo... vou te procurar. bjim!

    ReplyDelete

Leu, Gostou? Opa, Não gostou? Então comenta aqui o que acha!!!